domingo, abril 18, 2010

Escondes-te



Escondes-te na distância,
Nas palavras escritas,
Pensadas com cuidado
Para não ferir,
Mas, também, para não esperançar…

Para ti é fácil.
Sabes o que pensas,
O que sentes,
O que queres…
Sabes, também,
O que eu penso,
Sinto,
Quero…

Para ti é fácil,
Mas para mim não!
Para mim não é fácil!
A incerteza não é fácil!

Sem comentários: