domingo, abril 18, 2010

... eu... lembro...


Lembro-me como se hoje,
Como se tivesse acabado de acontecer,
Lembro-me da noite em que te conheci…

O amigo do amigo.
O amigo de olhos cintilantes
E sorriso rasgado…
Lindo…

Lembro-me de pensar
Quero!
Quero-te!!

Não estavas disponível.
Parti,
Amei e fui feliz…
E quando tudo acabou
Tornei a lembrar-me de ti,
Tornei a desejar-te.

Lembro-me da noite
Em que quase te beijei,
Lembro-me das noites em que o fiz…
Eram noites longas, demoradas
E os beijos e o desejo pareciam não terminar,
Mas o fim chegou.
Partiste.

Mais uma vez não estavas disponível.

Durante todo este tempo adormeci
O meu desejo por ti,
Mas agora ele tornou a acordar
E está mais forte do que nunca…

Mais do que nunca te quero,
Te desejo!!

E tu?!
Tu continuas a não estar disponível!

Sem comentários: