terça-feira, julho 06, 2010

... é estranho...

... a facilidade como conseguimos apagar alguém... como conseguimos olhar como se nunca tivesse acontecido, como se nem sequer algum dia nos tivessemos conhecido, cruzado... estranho... é como se deixassem existir... afinal nem todos deixam um pouco de si...

Sem comentários: