sexta-feira, julho 02, 2010

Longe

E do nada despertei.
Talvez tenha sido a simples
Lembrança de ti.
Um simples barulho que
Julguei serem teus passos...

Não!
Continuas longe!
Sempre estiveste!
Sempre estarás!

Sem comentários: