terça-feira, abril 19, 2011

... fui adoptada pela gata da vizinha...





... esta é a Ofélia, a gata do prédio vizinho. É a gata do bairo. Logo pela manhã sai de casa e vai pelas casas cumprimentando a vizinhança. Não se deixa tocar, mas todos a conhecem. É ouvir as velhotas: bom dia Ofélia!... sempre lhe falei quando saía de manhã para o trabalho, ou quando vinha a casa almoçar. Ás vezes deixava-me fazer uma festinha, assim de fugida. Sem dar muita confiança. Um dia sentei-me no passeio quando a vi e disse-lhe: olá Ofélia! Estás boa? Então conta lá o que andas a fazer... ela veio a correr sentar-se no meu colo a fazer-me festas e ron ron. Como estava na hora do almoço não demorei muito com ela e levantei-me. Quis vir comigo. Deixei. Abri a porta e deixei-a andar por casa. Cheirou. Investigou e pediu para sair. Desde esse dia, quando me vê chegar, vem ter comigo, faz-me uma festa, sobe comigo. Nunca pede nada. Nem comida. Anda pela casa enquanto pouso as coisas e assim que me sento no puf salta para o meu colo e ficamos ali, no mimo e no ron ron... fui adoptada pela gata da vizinha... :)))...

Sem comentários: